Desperta para o vocabulário da língua portuguesa (vídeo e história)

07/11/2017

Desperta para o vocabulário da língua portuguesa

Se este site está a publicar Palavras Cruzadas diárias desde o passado dia 1 então há que divulgar esta “empreitada”.

Para o efeito,  criei um vídeo.

Sete dias por semana, grelha 7×7, publicação às 7h00… para protagonista, só um despertador.

Mas não podia ser um despertador qualquer, tinha de ser «o» despertador (visto online no IKEA).

Mas deslocar-me ao IKEA por causa de um despertador de 6,99 euros (o sete, mais uma vez) não me parecia muito razoável (nada, mesmo)… corri os chineses quase todos da minha zona… não encontrei nenhum despertador que me agradasse… tinha de ser “aquele”… ainda perguntei no Facebook se alguém, da zona do Barreiro, iria ao IKEA… ninguém… fui ao IKEA…

Chego ao IKEA, vai de procurar pelo despertador… encontro três, na exposição, dentro de uma vitrina… fechada… menos mal, há.

Percorro toda a loja até à zona dos relógios. Vários despertadores, não encontro o pretendido.

Procuro ajuda e explico que tinha visto um despertador assim e assado na exposição, dentro de uma vitrina fechada, e pergunto se há o despertador para venda. Muito simpática, a empregada pede-me que aguarde pois vai ver se existe na loja outro ponto de venda do dito despertador. Não há. Procura noutra loja. Não há. Procura informações sobre o fornecedor… o fornecedor não tem o produto para entrega… lindo serviço.

“Posso levar um dos despertadores que estão no interior da vitrina?” – perguntei.

“Poder pode mas é fim de semana, os decoradores não estão cá e são eles que têm as chaves das vitrinas.” – respondeu – “Mas… esses despertadores costumam estar nas decorações dos quartos, se encontrar algum pode levá-lo.”… há esperança…

Lá fui eu procurá-lo em todos os quartos.

A minha filha encontrou um… branco… eu queria o preto… mais à frente, encontro um preto… :-)… pendurado por um cordão, atado a uma cabeceira de cama, não em muito bom estado… dou mais uma volta e não encontro mais nenhum… vou ter com a simpática empregada, curiosamente, brasileira.

“Encontrei este!… não está em muito bom estado, fazem-me um preço mais baixo?”.

“Sim, claro, mas vamos experimentá-lo porque se não estiver bom não pode trocá-lo.”.

A simpática empregada foi buscar umas pilhas… experimentou… não funcionou… “Até cheira a queimado!” – disse ela.

Fiquei desanimado…

“Bem, vou então buscar o branco.”.

“Espere, eu vou consigo, deve haver mais despertadores desses espalhados pela exposição.”.

Fomos…

Não foi preciso andar muito (sim, eu andei bastante) para que a simpática e atenciosa empregada encontrasse um despertador, preto, sem mácula, numa estante envidraçada de uma sala… eu só tinha procurado nos quartos… lindo… a funcionar… perfeito.

Agradeci e fiz questão de felicitar a senhora pela simpatia e empenho… boa energia, mesmo… o trabalho que ela teve apenas por um simples despertador.

Vim do IKEA felicíssimo com o meu despertador (sim, fico feliz por coisas muito simples).

Chego a casa, toca de preparar as coisas para gravar o vídeo. Só precisava de filmar o despertador a tocar o alarme às 7h00… (…)… não estava a conseguir pôr o raio do despertador a tocar às 7h00… tocava mais cedo ou mais tarde… tentei… tentei… e tentei… lá me lembrei que talvez fosse por estar a forçar o posicionamento dos ponteiros… dei-lhe mais folga, acertando-o para uma hora mais afastada das 7h00… esperei… quando os ponteiros se aproximaram da hora pretendida, pus a gravar… tocou às 7h00 em ponto… ufa! (para não escrever aqui outra coisa pois passei «horas» naquilo)… ;-)

E pronto, tanta coisa para ter 17 segundos de vídeo… (deixa, tu gostas de fazer estas “coisinhas”):

Resumindo e concluindo, a ideia é ter um vídeo para divulgar as Palavras Cruzadas diárias deste site (que vão exigir muito de mim pois tempo é coisa muito rara por estes lados).

Despertar para o vocabulário da língua portuguesa é importante, acho.

Já sabe, às 7h00, sete dias por  semana, tem um jogo de Palavras Cruzadas criado especialmente para si.

Conto com a sua ajuda na partilha do vídeo (as redes sociais estão aí também para isso).

Até quando vamos ter por aqui Palavras Cruzadas diárias?… até dar… ;-)

Amplexos e ósculos!…

PS: Trouxe o despertador por 4,10 euros. :-)