As Palavras Cruzadas ajudam a prevenir o Alzheimer?

15/6/2021
Uma idosa a massajar os ombros de outra idosa

Obviamente, não estou apto para responder a essa pergunta mas, de tempos a tempos, surgem notícias sobre a relação que há entre as Palavras Cruzadas ou a Sopa de Letras e o Alzheimer... há estudos que indicam que sim e há estudos que indicam que não.

Costumo dizer que as Palavras Cruzadas fazem bem ao vocabulário (ponto).

Existe uma série de boas práticas que podem ajudar a prevenir essa doença: aprender a tocar um instrumento musical ou uma nova língua e praticar exercício físico, são alguns exemplos.

Uma Sopa de Letras até pode ser mais útil na prevenção do Alzheimer pois "obriga" a ler ao contrário.

No que vou lendo, é uma questão de alterar rotinas, colocar novos desafios ao cérebro, fazer com que ele crie novas conexões nervosas, pôr os neurónios a trabalhar.

Ora, é na alteração de rotinas que eu penso que as Palavras Cruzadas até podem ajudar na prevenção do Alzheimer.

Se alguém não tem o hábito de fazer Palavras Cruzadas e passa a fazer, estamos perante alterações de rotinas... mas nem vou por aí.

Num enunciado de Palavras Cruzadas podemos colocar pistas que obrigam a pensar, por exemplo, pistas baseadas em cálculos matemáticos.

Mas as Palavras Cruzadas podem fazer mais pelo nosso cérebro.

Se escrever e ler ao contrário são bons estímulos para o cérebro então podem contar com as Palavras Cruzadas no combate à doença de Alzheimer.

E "falo" por experiência própria.

Já criei Palavras Cruzadas onde isso acontece e que vão merecendo elogios por parte de pessoas que cuidam de pessoas idosas.

Fica a dica.

Artigos Relacionados

No items found.

Receba mimos por e-mail

Junte-se à nossa comunidade de amigos e receba regularmente passatempos, novidades, truques e dicas.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.