fbpx

As Palavras Cruzadas na diáspora

Por Paulo Freixinho

Autor de palavras cruzadas há 30 anos, elaboro os passatempos do Público e JN, entre outros. Criei o portal de palavras cruzadas em Portugal.

16.11.2015

O André Torres relata a sua experiência como imigrante em Londres, de 2005 a 2013, em crónicas que escreve para o jornal «i».

No seu último relato, relacionado com os efeitos que a exposição prolongada à língua inglesa tem sobre a língua portuguesa, faz uma breve mas importante referência às Palavras Cruzadas:

“Por muitas palavras cruzadas que faça, a língua inglesa apoderou-se de mim antes que eu tivesse sido capaz de a dominar e transformou-me num autómato com a inteligência de um robot de cozinha.”

Elaboro Palavras Cruzadas para dois jornais da diáspora, Contacto (Luxemburgo) e Portugal Post (Alemanha), pelo que gostei de ler esta crónica.

Sim, as Palavras Cruzadas têm a sua importância no que toca à “manutenção” da língua portuguesa na diáspora… mais uma vantagem deste passatempo.

😉

Siga a ligação para ler a crónica completa:

A última fronteira da língua portuguesa

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Palavras Cruzadas por email

Palavras Cruzadas por email

Junte-se à nossa comunidade de amigos que adoram Palavras Cruzadas e receba regularmente, passatempos, novidades, truques e dicas.

Recebido. A melhor decisão que já tomou!

Pin It on Pinterest

Share This