Sophia de Mello Breyner Andresen

Sophia de Mello Breyner Andresen

Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004) - Poeta.

Em 1940, publicou os primeiros versos nos "Cadernos de Poesia". Casou com o jornalista, político e advogado Francisco Sousa Tavares, em 1946, mudou-se para Lisboa e foi mãe de cinco filhos (para quem começou a escrever contos infantis).

Muito interventiva, sobre o 25 de Abril, escreveu: Esta √© a madrugada que eu esperava/O dia inicial inteiro e limpo/Onde emergimos da noite e do sil√™ncio/ E livres habitamos a subst√Ęncia do tempo (in "O Nome das Coisas").

Em 2014, dez anos depois da sua morte, foram-lhe concedidas honras de Estado e os seus restos mortais foram trasladados para o Pante√£o Nacional.

No seu centen√°rio do seu nascimento (6/11/2019), foi-lhe concedido o grau de Grande-Colar da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada.

Jogos

Livros que li

Durante a leitura vou anotando palavras que utilizo depois nos meus passatempos

O Cavaleiro da Dinamarca

O Cavaleiro da Dinamarca

VER PALAVRAS ANOTADAS
 A Fada Oriana

A Fada Oriana

VER PALAVRAS ANOTADAS
 A Menina do Mar (acróstico)

A Menina do Mar (acróstico)

VER PALAVRAS ANOTADAS

Receba mimos por e-mail

Junte-se à nossa comunidade de amigos e receba regularmente passatempos, novidades, truques e dicas.

Obrigado! A melhor decisão que já tomou :-)
Oops! H√° qualquer coisa errada...