Biografia de um autor de Palavras Cruzadas

15/6/2021
Paulo Freichinho a criar palavras cruzadas no sótão

Olá!

Chamo-me Paulo Freixinho e sou autor de Palavras Cruzadas.

Comecei por fazer artesanato, pequenos bonecos de barro com letreiros... vendi muitos e comprei um baixo.

A minha primeira experiência profissional passou pelas Artes Gráficas, fui desenhador gráfico.

Através de uma revista produzida no atelier onde trabalhava, surgiu a primeira oportunidade de criar uma página de passatempos.

Para «desenrugar o cenho» (desanuviar), pinto e voltei à música.

Editei a minha primeira revista em 1990, a ‘Jogos Cruzados’. Paralelamente, iniciei uma colaboração com a Agência Feriaque que resultou em milhares de passatempos.

Elaboro Palavras Cruzadas para a revista Caras (Feriaque), Público (Feriaque), Jornal de Notícias (Feriaque), Selecções Reader's Digest, A Voz de Trás-os-Montes, Contacto (Luxemburgo), Portugal Post (Alemanha), Almanaque Bertrand, revista Somos Livros, Jornal de Angola, entre outros.

Sou adepto das Redes Sociais e cumprimento os leitores do meu blogue com amplexos e ósculos.

Aos 40, redescobri um prazer: Ler.

Durante a leitura vou anotando palavras que utilizo nos passatempos que vou criando.

Tenho uma palavra preferida: Xurdir (fazer pela vida).

Livros publicados:

Palavras Cruzadas com Literatura (Quetzal, 2011)

Sabe Mais k(que) os teus Pais (série de livros, Verbo/Babel, 2015)

Aos 45, gravei um disco... sou baixista da banda Bon Sauvage.

Amplexos e ósculos!...

Artigos Relacionados

Receba mimos por e-mail

Junte-se à nossa comunidade de amigos e receba regularmente passatempos, novidades, truques e dicas.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.